quarta-feira, 24 de setembro de 2008

SOB ESCUTA




Os Sob Escuta iniciaram-se nos palcos em 1996, a tocarem covers de outras bandas, de forma escorreita e fiel às originais, demonstrando a grande capacidade de adaptação dos músicos às mais variadas vertentes e fórmulas musicais heterogéneas. Esta volatilidade, variação de adequação a diferentes formatos conceptuais sonoros - uma harmonização de várias identidades dissemelhantes da música, que se reflecte em concertos consistentes e coerentes, como se todos os temas e bandas de eleição do grupo, para fazerem versões, fossem a mesma -, foi apanágio dos Sob Escuta desde sempre. Após algum tempo de existência, os originais não tardaram a aparecer - os primeiros temas foram criados já em 1996, sendo que um deles (“Voar”) tornou-se uma espécie de hino do grupo, sendo sempre tocado ao vivo em todos os concertos -, e a versatilidade do colectivo na interpretação de temas de vários géneros diferentes, reflectiu-se no resultado final das suas composições, vagueando algures entre a pop e o rock, por vezes fazendo lembrar bandas luso, do boom do rock português dos anos 80, porém, com sons menos datados, mais actuais e inovadores.

Formação:
HELDER BAPTISTA - Voz, guitarra acústica
TO ZÉ GONÇALVES - Guitarra, voz
JOÃO GOIS - Teclas e groove box
ANTÓNIO BRANCO - Viola baixo, violino
RICARDO BAPTISTA (Yume, Quantum Theory) - Bateria









4 comentários:

norberto disse...

já tinha saudades...espero voltar a velos ao vivo.

gracianocaldeira disse...

Aqui está o meu estimulo para ingressar no mundo da música... foi passando ensaios inteiros a ouvi-los e chateá-los muitas vezes com perguntas sobre música que ganhei o bichinho pela música. Já sabem que sou um fã incondicional vosso, parabéns pelo bom trabalho que desenvolveram e espero que se juntem para matar saudades e obrigado pelas respostas, hehe.

Abraço, Graciano Caldeira

Tozé disse...

Bom dia pessoal, agradeço todo o incentivo que nos deixaram para voltar aos placos, e a verdade é que eu já tinha muitas saudades da adrenalina :P espero mesmo que isto seja um reiniciar dos Sob-Escuta, da minha parte, tudo farei para que isso volte a acontecer :)

Hugo Fernandes disse...

Que saudades destes tempos...